No Meu Jardim de Infância por Denise Blanco

 A despedida das crianças que foram para o 1°ano, foi uma emocionante noite e entre outras coisas recebi este belo poema escrito por uma mãe da escola, aliás uma mãe que já escreveu várias coisas neste blog…

Agradeço todos vocês por tanto carinho, serão sempre da família Florescer!   “Prof” Andréa

 

No Jardim da Minha Infância

Teve massinha de cera de abelha,
Teve giz da mesma cera,
Teve rede pra dormir,
… Teve estórias pra sonhar,
Teve cheiro de bolo assando,
Teve pipoca estourando,
em dia frio e de chuva.
Teve roda e cantigas,
Teve princesa e castelo,
Teve herói e dragão.

Teve panelinha e forminha,
Teve bolo de areia,
Teve bonecas e berços,
Teve tendas e barracas,
capa de rei e coroa,
cavalinho de madeira.
Teve lanternas coloridas,
iluminando caminhos e vidas.
Teve flores, teve cores,
Teve desenhos e amores.
Teve tarefas e limites,
Teve trabalhos no jardim.
Teve pipas voando,
Teve banho de mangueira e cachoeira,
e mergulhos na lama.

Teve euritimia,
Teve kantele,
Teve palavras amigas.
Teve pais e filhos fazendo pão
Teve colo e atenção,
independência e proteção.
Teve verso e oração….
E, o que levo do Jardim?
Tudo o que há em mim,
e você, prof., no coração…….

(Denise Blanco)

 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s